Blog

E-mail Marketing

Confira as melhores práticas para o envio do e-mail marketing

11/08/2021

e-mail marketing é considerado um dos melhores canais de comunicação com o público para geração e conversão de leads, com o mais alto índice de retorno sobre o investimento, ou ROI, e está evoluindo, assim como as demais ferramentas do marketing digital.

Entretanto, não basta escrevere-mails e disparar para os clientes. Seu destaque se dá porque é um canal que permite um diálogo direto e pessoal entre marca e público.

Assim, montar uma campanha dee-mail marketing não é tão simples, e existem alguns pré-requisitos para a geração de resultados, afinal, tudo é estratégia. 

Muitas pessoas não possuem conhecimentos sobre HTML, desconhecem sobre as restrições dos filtrosanti-spam e não sabem quais fatores influenciam na entregabilidade dos e-mails, como o uso de imagens, o assunto e o engajamento da base de contatos.

Dessa forma, foi pensando em auxiliar aqueles que já utilizam ou estão aderindo a essa estratégia em seu negócio, como uma empresa especializada nacalibração de instrumentos de medida, que reunimos estas dicas.

Nesse artigo falaremos sobre as boas práticas que se aplicam ao cabeçalho, seguido pelas práticas no corpo doe-mail. Então, aplicando-as, sua estratégia de e-mail marketing certamente proporcionará bons resultados.

Para começarmos, o básico é estar ciente que ume-mail é formado por cabeçalho, corpo e assinatura, com os dados de, por exemplo, sua empresa de calibração, ou qualquer outra que você tenha.

Buscar o melhordesign visual para essa estrutura, visando atender aos objetivos da empresa ao contatar seus clientes, é fundamental. Vamos falar um pouco sobre o cabeçalho e o corpo do e-mail:

Entenda como montar um cabeçalho 

O cabeçalho é composto pelos campos de assunto e remetente, e para que realmente cheguem até o destinatário, devem estar de acordo com os critérios do provedor de e-mail dele.

Uma vez que seus e-mails sejam detectados como spam, por exemplo, não serão aceitos, então fique atento à sua reputação como remetente.

Ao ser recebido, o assunto e a designação usada pelo remetente, precisam convencer o receptor a abrir seue-mail sobre a importância da manutenção de uma unidade condensadora, por exemplo, entre tantos outros em sua caixa de entrada.

Boas práticas

Em uma estratégia dee-mail marketing, em que o objetivo é fornecer conteúdo, aconselhamos não utilizar um remetente com um domínio que sugira uma compra, do tipo “compras@”, “vendas@” ou “marketing@”, por exemplo.

Também é possível personalizar esse campo utilizando seu nome pessoal ou o nome da sua empresa, por exemplo. Tudo depende de qual for a estratégia utilizada.

Em relação ao assunto, tenha total cuidado e atenção, pois ele é o que define se o destinatário vai abrir ou ignorar seue-mail, então ele precisa chamar atenção.

Isso não quer dizer que todas as palavras precisam estar em caixa alta, ou que precisam de vários asteriscos e exclamações. Sobre os termos utilizados, vale a mesma regra que acabamos de comentar. Evite palavras apelativas como “grátis” ou “promoção”.

Aliás, ao dizer que ume-mail da sua marca de equipamentos para internet, por exemplo, deve ser atrativo, não queremos dizer “apelativo”, falamos em ser útil e relevante. 

Uma dica é o uso do Preheader, um pequeno texto inserido no código HTML doe-mail marketing, sendo exibido logo após o assunto, na maioria dos dispositivos. Isso pode ajudar a impactar o leitor, complementando o assunto do e-mail.

Outra dica é utilizaremojis, pois ao expressar uma emoção, naturalmente, gera-se uma resposta. Segundo a GoDaddy, emojis aumentam a taxa de abertura dos e-mails em 20%.

Tenha cautela com o corpo do e-mail

O corpo doe-mail contém a sua mensagem e seu conteúdo sobre sistema de caixa para restaurante, por exemplo. Então, para gerar interesse desde a primeira visualização, ele deve ter um layout agradável e interessante.

Boas práticas

Assim como no caso dos cabeçalhos, o texto presente no corpo doe-mail passa por uma avaliação do provedor do destinatário, de forma a definir se o conteúdo é de interesse ou não.

Esses provedores sãosoftwares desenvolvidos para otimização da experiência do usuário, e ao compreender essa finalidade, você pode entender melhor o porquê de campanhas anteriores não terem gerado retorno.

Pense muito bem sobre o assunto e evite falsas promessas, mantendo-se na mesma linha ao longo doe-mail, e sendo breve e conciso.

A dica dosemojis é válida aqui também, a taxa de cliques, ou CTR (click-through), segundo o mesmo estudo da GoDaddy, aumenta em até 50% em e-mails com emojis, se comparados aos sem. 

Mas sempre utilize essas ferramentas visuais com parcimônia, dentro de um contexto e linguagem que faça sentido em seu conteúdo sobrebolsas promocionais, por exemplo. Uma boa proporção entre texto e imagens é a melhor forma de garantir otimização.

A edição, formatação e diagramação podem ser feitas em HTML ou por plataformas dee-mail marketing, que possuem editores com uma interface familiar e intuitiva.

Cuide dodesign, escolha as fontes, templates e cores: não use fontes muito pequenas ou rebuscadas, que dificultam ou tornam a leitura cansativa, e evite cores muito fortes e grandes contrastes, principalmente em textos mais longos.

Todo o conteúdo deve ser legível, e você deve considerar que a definição do dispositivo do usuário pode diferir da sua, então jamais use composições como um texto amarelo em um fundo branco, por exemplo, por mais que tenha gostado do resultado em sua tela.

E não se esqueça da sua marca. Pode até parecer boba essa colocação, mas lembre que suas estratégias de comunicação, inclusive ose-mails marketing, devem ter as características  do seu negócio em relação à identidade visual.

É isso que vai fazer com que o leitor se lembre de quem está por trás da mensagem e associe subconscientemente o conteúdo à sua marca.

Alguns dispositivos ou plataformas podem ter problemas ao carregar imagens, então a dica aqui é sempre inserir um texto alternativo (Alt Text) nas imagens. 

Isso ajuda a “conversar” com o algoritmo do provedor dee-mail,fornecendo informações adicionais para convencê-lo de que seu conteúdo é relevante ao usuário. Também permite que o destinatário saiba ao que se refere a imagem, ainda que ela não carregue.

Uma estratégia visual que gera resultados consideráveis são os GIFs animados: eles são complementos perfeitos para destacar algo ou simplificar algum ponto mais técnico, ou mais complexo.

Você pode chamar muita atenção para osrótulos personalizados produzidos por seus designers, por exemplo, ao anexá-las como GIF em uma campanha de e-mail marketing, além dos vídeos, que também têm boa aceitação.

Insiralinks no conteúdo, tanto no texto quanto nas imagens. Além de estimular a navegação do usuário em outros conteúdos, ao receber cliques do destinatário em seus e-mails, o provedor interpreta como engajamento.

Isso conta muitos pontos para a aceitação das mensagens enviadas, conforme mencionamos. Além disso, muitas vendas e conversões partem de umlink acessado via e-mail. 

Então mantenha seu material sempre atualizado, confira se oslinks realmente estão funcionais e direcionando para os conteúdos corretos, de acordo com o objetivo da sua comunicação. 

Conclua seuse-mails com uma CTA (call to action), ou seja, uma chamada para ação: convide o destinatário para conhecer seu site e/ou blog, ou para interagir nas redes sociais, por exemplo.

As possibilidades são infinitas, dependendo do seu objetivo ao enviar oe-mail. Nesse ponto é importante chamar atenção para o fato que você sempre deve ter um objetivo ao enviar uma mensagem para seus leads.

Uma frequência excessiva não será bem recebida, e é bem provável que não haja necessidade de tantos contatos assim.E-mails enviados sem um direcionamento adequado são sinônimo de perda de tempo e de oportunidades.

Outras variáveis

Demos várias dicas sobre práticas assertivas na produção de uma campanha dee-mail marketing, mas é importante estar ciente de algumas variáveis relevantes nessa construção. Entre elas podemos citar:

  • Desenvolver um calendário de envio de e-mails;

  • Enviar o primeiro email para um assinante em 24 horas;

  • Pensar nos horários de envio e aproveitar finais de semana;

  • Segmentar o público-alvo;

  • Personalizar o conteúdo conforme a persona;

  • Usar palavras-chave;

  • Formalizar testes de envio;

  • Estudar a concorrência;

  • Manter-se atento às tendências.

Essas são algumas das questões que devem ser consideradas para elaboração da estratégia dee-mail marketing de uma filial de segurança, ao produzir conteúdo sobre seu novo e inovador projeto de instalações elétricas, por exemplo.

Considerações finais

Uma boa estratégia requer a aplicação de práticas como as citadas aqui, que fazem com que ose-mails realmente cheguem até o usuário, ao se provar relevante para o provedor do cliente, assim como para ele próprio.

Dessa forma suas ações se converterão em engajamento, proximidade, contatos e vendas, aumentando cada vez mais seus resultados.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blogGuia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Assine nossa newsletter